Ficóide – Família Aizoaceae

Nome Científico: Dorotheanthus bellidiformis
Sinonímia: Dorotheanthus criniflorus, Mesembryanthemum criniflorum, Mesembryanthemum bellidiforme
Nomes Populares: Ficóide, Tapete-mágico, Planta-gelo, Fábrica-de-gelo,
Família: Aizoaceae
Categoria: Flores, Flores Anuais, Forrações ao Sol Pleno, Gramados e Forrações
Clima: Mediterrâneo, Oceânico, Subtropical, Temperado, Tropical
Origem: África, África do Sul
Altura: menos de 15 cm
Luminosidade: Sol Pleno
Ciclo de Vida: Anual

Uma plantinha que se encaixa em qualquer espaço, muito versátil e fácil de cultivar. Ideal para compor longos maciços de flores, ou como forração mesmo, sob o sol.

Encaixa-se perfeitamente em vãos de escada, de muros ou em jardins pedregosos, crescendo entre as fendas. Em vasos e jardineiras, podemos criar lindos efeitos de cascata, com flores se derramando além da borda.

Ficóide - Família Aizoaceae

Ficóide

Cor das flores: branco, rosa, lilás e roxo.

Forma um tapete com floração abundante que cobre o solo de várias cores brilhantes… Por isso é popularmente chamada de TAPETE MÁGICO. As folhas brilham como se tivessem cobertas de cristais; as flores abrem com o sol e fecham com o tempo nublado.

De fácil cultivo. Prefere solos pobres e arenosos. Precisa de sol para florescer. As flores fecham à noite, voltando a abrir com o calor do sol.

Para um efeito ainda mais especial podemos misturar as sementes de ficóide com as de onze-horas, na formação de maciços e forrações. O efeito resultante é simplesmente estonteante,

A Ficóide é originária do Sul da África , esta planta pode alcançar uma altura até 15cm. Possui flores muito bonitas parecidas com as margaridas. As flores medem de 4 a 7 cm de diâmetro e tem uma grande variedade de cores. É uma planta que dá um fruto em forma de cápsula.

Época de Floração: Início do verão

Ela é rasteira, com folhas lanceoladas, carnosas a suculentas e recobertas com células especiais para armazenar a água, que lhes confere um brilho e textura únicos, como uma fina camada de gelo granular, e rende apelidos tais como “fábrica-de-gelo”. Diz-se que essas folhas são comestíveis e podem substituir o espinafre em receitas.

Floresce na primavera e verão, despontando numerosas inflorescências, solitárias, do tipo capítulo, semelhantes a margaridas.

4.6 (92.73%) 22 votos

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este website utiliza cookies que asseguram funcionalidades para uma melhor navegação.
Ao continuar a navegar está a concordar com a sua utilização.