Como tratar de um Bonsai

Existe uma crença popular de que o bonsai é uma árvore difícil de tratar e, acima de tudo, de manter saudável e vigoroso. Mas isto não é assim.

Tratar de uma destas pequenas árvores não é uma ciência impossível, basta seguir algumas directrizes básicas e cumprir alguns aspectos chave.

Cultivar um bonsái é uma arte!

Estas pequenas espécies de plantas fazem parte da decoração interior das casas, e trazem elegância e cor ao espaço onde se encontram.

Os cuidados básicos são a rega, a fertilização, a poda ou o transplante.

A palavra “bonsai” é de origem chinesa bon=tray e out=cultive e consiste na arte de cultivar árvores e plantas em pequenos vasos.

O tamanho das espécies vegetais é reduzido por técnicas como a poda ou o transplante.

O resultado desta técnica são estas pequenas árvores, de formas impossíveis e tamanho elegante, que podem ser encontradas em salas interiores ou jardins exteriores.

Para muitas pessoas, tratar e cultivar um bonsai tornou-se numa técnica de relaxamento eficaz e uma boa forma de escapar aos problemas ou stress do trabalho e da cidade.

Bonsai

O cuidado necessário de um bonsái: orientações e aspectos chave

O cultivo do bonsai pode parecer uma missão impossível e uma técnica complexa, mas isto está longe de ser realidade. Se seguir todos os passos e as directrizes, a sua pequena árvore irá crescer saudável, vigorosa e de um tamanho elegante.

O cuidado desta pequena espécie vegetal está relacionado com a rega, a poda ou o transplante da planta.

Regar um bonsai é uma das partes mais importantes, se não a mais decisiva, no crescimento destas pequenas árvores.

A irrigação e a quantidade de água depende do tipo de espécie do bonsái, da sua localização ou da época do ano.


bonsais - Bonsai

Quando e como devemos regar estas plantas?

Esta operação deve ser feita quando se nota que a árvore precisa de água, ou seja, quando se nota que o substrato está seco.

Devemos regar, de forma abundante, até que o solo esteja completamente molhado e até que a água saia pela drenagem. Para tal, recomenda-se a utilização de um regador com orifícios finos.

Este tipo de ferramenta evitará o deslocamento do solo e causará danos nas folhas da planta. Deve regar desde o topo até ao início, e depois regar bem, como mencionado acima.

É também aconselhável pulverizar a planta de vez em quando, uma vez que os que se encontram no interior são privados do orvalho da manhã e acumulam muito pó.

Bonsai

Localização – outro aspecto chave para o desenvolvimento do bonsái

Onde colocar o bonsái é de grande importância para que a árvore cresça de forma óptima.

Antes de colocar o vaso, devemos ser claros sobre se a espécie de bonsái está no exterior ou se se pode desenvolver da mesma forma no interior.

Um bonsai é apenas uma árvore pequena e, como as suas irmãs maiores, precisa de muita luz solar (embora não directa), ar, chuva (por isso é recomendado pulverizá-lo de vez em quando).

Para variedades que podem ser cultivadas em interiores, recomenda-se colocá-las perto de janelas grandes e bem iluminadas, em espaços frios, longe de aparelhos emissores de calor.

Fertilização de um bonsái


O bonsái, como todas as plantas, precisa de nutrientes para sobreviver.

Visto que é plantada em pequenos vasos, o fertilizante é um aspecto muito importante para que a pequena árvore cresça.

Quando deve ser fertilizado? O fertilizante deve ser utilizado durante os períodos de maior crescimento, ou por outras palavras, na Primavera e no final do Verão (nunca no Inverno ou calor extremo).

Deve ser fertilizado em pequenas quantidades mas frequentemente.

Existem dois tipos de fertilizantes, líquidos (que se dissolvem na água para irrigação) ou sólidos (que são colocados no solo no vaso).

Poda, a técnica que molda o bonsái


Através da poda, podemos dar ao nosso bonsái a forma que queremos. Consiste em cortar os ramos que consideramos inúteis ou que são defeituosos para controlar o tamanho, o crescimento e o fortalecimento da árvore.

Não há tempo perfeito para a poda, porque dependerá do tipo de espécie. Como regra geral, recomenda-se o corte dos pequenos ramos no início da Primavera.

Do mesmo modo, é também aconselhável podar o bonsái, ou seja, aumentar a densidade das folhas e reduzir o seu tamanho podando os rebentos, e os arreios.

Com esta última técnica, a inclinação dos ramos pode ser corrigida colocando um arame nos ramos e no tronco, sem apertar demasiado para não deixar marcas na casca.

Transplantar um bonsai


Como muitas plantas, o bonsái também precisa de ser transplantado em algum momento das suas vidas.

Quando as suas raízes crescem para ocupar o vaso inteiro, quando o solo se desgasta ou quando se nota que a água não penetra tão facilmente, é altura de transferir a árvore para outro recipiente.

Para que o transplante seja bem sucedido, estes passos devem ser seguidos:

  • Preparar a panela, as ferramentas e o solo.
  • Levantar o bonsái da panela, remover o solo antigo.
  • Recortar uma parte das raízes (cerca de um terço).
  • Plante a árvore num vaso novo, com solo novo (recomendamos a consulta de um profissional para saber qual é o melhor substrato para as espécies que pretende transplantar). Inserir as raízes cuidadosamente, usar um pequeno pau, por exemplo, e evitar a formação de bolsas de ar.
  • Regar bem até que a água saia limpa e escorra (os buracos no fundo do recipiente).

Votos: 22 | Pontuação: 4.9

Partilhar este artigo
  • 1
    Share

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *