Marmeleiro-do-Japão – Família Rosaceae

istockphoto 1200757433 612x612 1
Nome Científico: Chaenomeles japonica
Nomes Populares: Marmelinho-ornamental, Cidônia, Marmelo-de-jardim, Marmelo-japonês
Família: Rosaceae
Categoria: Arbustos, Árvores, Bonsai, Cercas Vivas
Clima: Subtropical, Temperado
Origem: Ásia, China, Japão
Altura: 1.2 a 3 metros
Luminosidade: Sol Pleno
Ciclo de Vida: Perene

Descrição da Marmeleiro-do-Japão

Este arbusto, de seu nome Chaenomeles japonica, pertence à família botânica das Rosaceae.

O género Chaenomeles engloba 3 espécies (C. speciosa, C. japonica e C. cathayensis) de arbustos de folha caduca, nativos das terras altas e florestas de elevada altitude do Japão, China e Coreia.

Estes arbustos espinhosos geralmente não ultrapassam mais de 1.5m de altura e são muito resistentes ás geadas.

Cenário vulgar, é vê-los floridos em pleno Inverno por vezes cobertos de uma fina camada de gelo.

Chaenomeles japonica, comumente chamado de marmelo japonês, é um arbusto decíduo, de baixo crescimento, densamente ramificado, com ramos espinhosos, frequentemente emaranhados, marrom-acinzentados.

Ele normalmente cresce até 3 pés de altura, mas se espalha até 6 pés de largura.

Flores de cinco pétalas, laranja-escarlate (até 1,5 ” de diâmetro) com estames brancos cremosos florescem antes que as folhas se desdobrem em uma exibição floral frequentemente vistosa do início da primavera.

As flores são seguidas por frutos duros e amarelo-esverdeados (pomos de 1,5” que são comumente chamados de marmelos) que amadurecem no início do outono.

Os marmelos maduros são perfumados. Os marmelos são comestíveis, mas geralmente são considerados muito amargos para serem comidos diretamente do arbusto.

Os marmelos às vezes são usados ​​para fazer conservas e geleias.

Folhas grossas, ovais e verdes (até 5 cm de comprimento). Sem cor de outono apreciável.

O nome do gênero vem das palavras gregas chainosignificando bocejar e melão significando uma maçã na crença incorreta de que as frutas se abriram.

Epíteto específico significa japonês.

Marmeleiro-do-Japão

Cultivo do Marmeleiro

Marmeleiro-do-Japão é um arbusto espinhoso com os galhos lanosos quando jovens. Flores de cor vermelha-alaranjada, escarlate ou carmim.

Fruto em pomo de cor amarela, em tonalidade avermelhada e aromático.

Dá-se bem em solo drenado e fértil ou moderadamente fértil e com alguma exposição solar.

Evite podas pesadas. Poda para dar forma conforme necessário na primavera após a floração para estimular o crescimento das esporas de floração que irão melhorar a floração no ano seguinte (embora tal poda irá reduzir a produção de frutos no ano corrente).

Remova prontamente os sugadores de raiz para controlar a possível disseminação.

Em relação à localização, é aconselhável colocar em locais ensolarados, com um pouco de sombra, já que a luz solar direta pode danificá-lo.

Pode ser plantado em qualquer tipo de solo, com excepção dos que têm um pH elevado.

marmeleiro do Japão - Marmeleiro-do-Japão

Quanto à rega, tenha em conta que, durante os meses de Verão, deverá ser com maior intensidade, já que o arbusto precisará de mais água, mas, nos meses de Inverno, deverá ser reduzida de forma considerável, uma vez que não precisa de muita água.

Como a maioria dos arbustos, tendem a ter pragas como pulgões e ácaros. Deve-se controlar as folhas de modo a que possa ser detectado a tempo.

Marmeleiro-do-Japão não é uma planta exigente, como tal é muito vulgar encontrá-la em jardins públicos.

Votos: 95 | Pontuação: 4.8

Partilhar este artigo

Publicado por Olga Guedes

Adora flores, quer que sinta o cheiro e viva intensamente esta força da natureza.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *