Caládio – Caladium bicolor

Nome Científico: Caladium bicolor
Nomes Populares: Caládio, Coração-de-jesus, Taiá, Tajá, Tinhorão
Família: Araceae
Categoria: Bulbosas, Folhagens
Clima: Equatorial, Mediterrâneo, Subtropical, Temperado, Tropical
Origem: América Central, América do Sul
Altura: 0.3 a 0.6 metros
Luminosidade: Luz Difusa, Meia Sombra
Ciclo de Vida: Perene

Sobre a Caládio

Bulbo de Caladium Bicolor, uma planta bulbosa originária da América Tropical. Caracteriza-se pela folhagem muito colorida, variada, grande e em forma de “coração”.

Os caládios são plantas bulbosas muito apreciadas devido à sua folhagem ornamental. Elas apresentam folhas grandes, rajadas ou pintalgadas, com duas ou mais cores e tonalidades de branco, verde, rosa ou vermelho.

Caládio – Caladium bicolor

Devem ser cultivados sob luminosidade difusa, pleno sol ou meia-sombra, de acordo com a variedade. Em solo fértil, leve e enriquecido com matéria orgânica, com regas regulares. O caládio aprecia a humidade, mas não tolera o encharcamento. Multiplica-se por separação dos bulbos quando a planta entra em repouso.

Há mais de 1000 variedades de caládio atualmente, algumas são mais indicadas para o jardim e outras devem ser cultivadas em ambientes internos. Prestam-se para a formação de maciços e bordaduras, além de vasos e jardineiras.

São plantas de baixíssima manutenção e tudo que requerem é solo húmido (não encharcado) e local claro, porém sem luz direta do sol, que pode queimar as folhas. Podem inclusive ser utilizadas dentro de casa, próximo de janelas ou varandas.

Propagação do Caládio

Para fazer a propagação de mudas usar a técnica de estaca de bulbos.

Isto é feito antes da floração no final do inverno. Com estilete limpo em álcool e bem afiado, corte o rizoma em pedaços.
Deixe sobre jornal para que forme uma película sobre o corte.

Depois plante em vasinhos individuais com areia, casca de arroz carbonizada ou mistura de terra e areia. Mantenha uma humidade não muito acentuada e cubra com plástico.

Mantenha em estufa com temperatura entre 19 e 21 0C e em até duas semanas produzirá um broto.

Replantar para vaso com substrato semelhante ao de plantio, mantendo em cultivo protegido até iniciar o calor.

NOTA IMPORTANTE – O caládio também é considerado uma planta muito tóxica, devido a presença de cristais de oxalato de cálcio e saponinas nas suas folhas. O contato com destas substâncias com os olhos, mucosas e pele pode provocar intensa ardência, inflamação e vermelhidão.

A ingestão pode provocar edema de glote e consequente asfixia e morte. Mantenha o caládio longe do alcance de crianças e animais domésticos.

Mais info em https://pt.wikipedia.org/wiki/Tinhor%C3%A3o

Caládio – Caladium bicolor
4.4 (87.62%) 21 votos

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *