Flor-de-São-João – Pyrostegia venusta

Nome Científico: Pyrostegia venusta
Nomes Populares: Cipó-de-são-joão, Cipó-vermelho, Flor-de-são-joão
Família: Bignoniaceae
Categoria: Medicinal, Trepadeiras
Clima: Equatorial, Subtropical, Tropical
Origem: América do Sul, Brasil
Altura: 2 a 4 metros
Luminosidade: Sol Pleno
Ciclo de Vida: Perene

Sobre a Pyrostegia venusta

Trata-se de uma trepadeira lenhosa muito bonita, forte, grande, que cresce de 2 a 4 metros de comprimento.

É encontrada normalmente em barrancos, cercas e beiras de estradas. O início de seu florescimento dá-se no mês de Maio e prossegue até Setembro.

Acostumada a terrenos de grande insolação, o Cipó de São João é pouco exigente quanto a humidade e fertilidade do solo. Com efeito, prefere solos bem drenados e a pleno sol, com intervalos espaçados entre as irrigações. Daí também ser planta recomendada para o paisagismo, em virtude de sua pouca exigência quanto ao intervalo das irrigações.

A Pyrostegia venusta (de Venus), da família Bignoniaceae, tem folhas trifoliadas, modificando-se ocasionalmente um dos folíolos em gavinha para a ajudar a subir; o seu nome significa cobertura formosa de fogo.

Devem ser cultivadas em solo fértil com regas regulares, sempre a sol pleno. Uma boa adubação com farinha de ossos e cinzas estimula uma floração abundante.

É frequente observá-la nas matas a beira das estradas. Multiplica-se por sementes e por estaca. O nome cipó de São João é graças a sua utilidade em festas joaninas (São João).

Flor-de-São-João - Pyrostegia Venusta

Benefícios do Chá de Flor-de-São-João (Pyrostegia venusta)

Os principais constituintes do chá de cipó de são João são flavonoides, taninos, fenóis solúveis, alantoína, esteroides b-sitosterol e flava-nona hesperidina. A Flor-de-São-João – Pyrostegia venusta contêm características tónicas e anti-diarreicas. É usado para desarranjos estomacais, fraquezas em geral e manchas na pele, normalmente ocasionadas por vitiligo e leucoderma.

Flor-de-São-João – Pyrostegia venusta
4.7 (93.33%) 24 votos

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *