Flor de Cera ou Hoya carnosa – Família Asclepiadaceae

As flores de cera (Hoya carnosa) são plantas trepadeiras originárias da China. Elas ganharam esse nome devido ao aspecto das suas flores, brancas ou rosadas, pequenas e de aparência serosa, que surgem no verão e duram algum tempo espalhando um perfume adocicado.

O cultivo desta planta não é difícil, mas exige alguns cuidados para que perdure e floresça anualmente.

Flor de Cera

Evite transplantar as flores de cera, elas não se dão bem com essa prática.
No entanto, se tiver de ser, prefira fazê-lo o menos vezes possível e, de preferência, no inverno.

Relativamente à água, esta planta requer um solo húmido mas não encharcado.
No verão será necessário reforçar a quantidade de água e regá-la sempre que notar que a terra está seca; no inverno a frequência deve ser diminuída (cerca de 1

vez por mês), para não humedecer a terra em excesso, coisa que esta planta não gosta.

Flor de Cera

É fácil de cultivar. Exige, somente, um sitio abrigado das correntes de ar e onde dê o sol da manhã.
Uma exposição ao sol queimaria as suas folhas.

No Verão surgem cachos de flores em forma de estrela, muito aromáticas, parecendo ser feitas de cera ou porcelana.
Pode ser cultivada em vasos, canteiros e jardineiras, sempre com um suporte para fixação.

Moderadamente tolerante às baixas temperaturas, prefere uma faixa entre 15 a 25ºC.
Em regiões de clima frio, pode ser cultivada em estufas ou no interior das residências.

Flor de Cera

Vote neste artigo

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

Este website utiliza cookies que asseguram funcionalidades para uma melhor navegação.
Ao continuar a navegar está a concordar com a sua utilização.