Tacca Chantrieri – Flor Morcego

Nome Científico: Tacca chantrieri
Nomes Populares: Flor-morcego, Planta-morcego, Orquídea-morcego, Flor-negra, Bigodes-de-gato
Família: Dioscoreaceae
Categoria: Flores, Flores Perenes
Clima: Equatorial, Subtropical, Tropical
Origem: Ásia, China, Malásia, Oceania, Tailândia
Altura: 0.6 a 0.9 metros
Luminosidade: Luz Difusa, Meia Sombra, Sombra
Ciclo de Vida: Perene

Esta planta surpreendente possui flores que se assemelham a um morcego, tanto no formato quanto nas cores escuras, daí o seu nome!

Flor de visual extremamente exótico, negro quase total com “antenas” que podem atingir 20 cm, também pretos que emprestam uma composição diferente de outras espécies ornamentais.

Tacca Chantrieri conhecida como Flor Morcego

A Flor Morcego que também é conhecida como Bat-Flower ou Flor Negra, é a Tacca Chantrieri, da família das Taccaceae, originária da Malásia, cuja característica principal é a sua semelhança a um morcego, com as suas pétalas principais de cor entre o roxo escuro e o preto a fazerem parecer as asas de um morcego em pleno voo.


Tacca Chantrieri cresce em solo asiático

A cor negra é raríssima entre as flores. A exótica Tacca chantrieri cresce em solo asiático e ficou conhecida como “flor morcego”. Durante  algum tempo, pensou-se que o seu aspecto sombrio atraía moscas polinizadoras, à procura de matéria orgânica em decomposição.

Mas não é o caso: a espécie vive muito bem sozinha (autofecundação).

Estas flores exóticas não tem qualquer perfume e as suas “antenas” que saem de dentro da flor podem atingir os 20 centímetros de comprimento.

A propagação é feita por sementes e a terra precisa de ser rica em nutrientes e sais minerais. Pode ser cultivada em vasos ou directamente no solo, florescendo várias vezes durante o ano.

A flor morcego não tolera sol muito forte, sendo que à meia-luz é que se desenvolve melhor e mais depressa.

 

Flor Morcego - Tacca Chantrieri

No paisagismo a flor-morcego é ideal para áreas sombreadas em locais de clima quente e húmido. No entanto é bem mais valorizada quando cultivada em vasos e jardineiras, adornando varandas, salas de estar, escritórios, etc.

É possível cultivá-la em locais de clima temperado, desde que possa ser levada para ambientes protegidos como dentro de casa ou estufas húmidas. As plantas sadias crescem produzindo novas mudas, já se as condições de cultivo não forem atendidas ela declina lentamente.

Assim, o seu cultivo é considerado difícil, não sendo indicada para jardineiros iniciantes.

Replante a cada 2 ou 3 anos para renovar o vigor da planta. Multiplica-se por sementes e por separação das mudas formadas em torno da planta mãe. Plantas formadas a partir de sementes levam de 2 a 3 anos até iniciar o florescimento.

É amplamente utilizada como uma planta de interior em espaços bem ventilados e quentes. O maior cuidado que precisa é a rega e manter a humidade.

Tacca Chantrieri – Flor Morcego
4.7 (94.19%) 31 votos

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *