Orquidea Dendrobium loddigesii

Nome Científico: Dendrobium loddigesii
Nomes Populares: Dendróbio-de-Loddigesii
Família: Orchidaceae
Categoria: Flores, Orquídeas
Clima: Tropical
Origem: Ásia, China, Laos, Vietnã
Altura: 0.1 a 0.3 metros
Luminosidade: Meia Sombra
Ciclo de Vida: Perene

Sobre a Orquidea Dendrobium

Dendrobium deriva da união de duas palavras gregas: dendron, que significa “árvore”, e bios, que significa “vida”; referindo-se à maneira como vivem a maioria das espécies deste género, ou seja, a sua natureza epífita.

Este género já foi um dos maiores da família Orchidaceae, com mais de 1200 variedades. Após muitas divisões, restaram apenas 450 espécies.

O Dendrobium loddigesii é originário do sul da China, Hong Kong e Vietname.

Pode ser encontrada em florestas temperadas de coníferas e florestas mistas, sempre em locais de alto índice de humidade, vegetando de forma epífita ou rupícola, presa a árvores ou rochas cobertas de musgo, sempre em altitudes que variam desde 900 a 1600 metros.

É uma planta de folhas caducas, ou seja, pouco antes da floração a planta perde a maioria das folhas. As flores são suavemente perfumadas e medem entre 3 e 5 cm. Pétalas e sépalas de cor rosa, e um labelo espetacular, com contorno encrespado e franjado de cor também rosada, e centro amarelo-alaranjado. Lindíssima.

Floresce na primavera e a sua floração dura cerca de 15 dias.

Orquidea Dendrobium loddigesii

A maioria das espécies produz altos pseudobulbos roliços que lembram a cana-de-açúcar, com folhas por toda sua extensão, e florescem em cores variadas. As flores agrupam-se em talos curtos ao longo dos pseudobulbos por toda a primavera até o verão, dependendo da região geográfica onde se encontrar.

Quando cultivada em casa a planta deve ser adaptada e seguir algumas dicas para que floresça. As Dendrobiums, na sua grande maioria, florescem apenas uma vez ao ano, mas tem a característica de florir mais de uma vez no mesmo bulbo.

Para florescer a espécie precisa de uma diminuição das regas depois do mês de Abril, e adubação com mais fósforo, pois a medida que os novos bulbos crescem eles acumulam energia para a floração, que ocorre 60 dias depois do início do inverno. A rega, que já tinha sido reduzida, deve ser parada e deve apenas borrifar as folhas ao final da tarde, quando a temperatura cai, fazendo a planta sentir a diferença térmica do dia para a noite de forma mais atenuada.

Dica – A regra geral de regar, que aconselhamos para todas as orquídeas, é molhar sempre que o substrato estiver seco ou em caso das plantadas em árvores, molhar diariamente ou dia-sim dia-não para locais de boa humidade relativa do ar.

Video Orquidea Dendrobium

Mais info em https://pt.wikipedia.org/wiki/Dendrobium

Orquidea Dendrobium loddigesii
4.4 (87.78%) 18 votos

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *