Estudos reforçam vantagens de ter plantas em casa

ccb

As plantas são apreciadas por muitas pessoas pela sua beleza e pela energia que transmitem aos espaços do lar. Ainda assim, não é apenas a beleza que justifica a aquisição de plantas. Saiba o que diz a ciência sobre as plantas e a importância de as ter na sua casa.

Não é novidade para ninguém que as plantas têm inúmeras propriedades. Ao longo da história, estas têm sido usadas em medicamentos, chás, rituais e formas de decoração.


Os estudos realizados sobre as plantas têm também demonstrado o seu imenso potencial para a melhoria da vida humana, sendo que até algumas plantas menos consensuais, como a canábis, se têm tornado estrelas medicinais devido aos estudos que revelam tudo sobre CBD e a forma como este pode ajudar no tratamento de várias doenças.


No que respeita a ter plantas em casa, a mesma ideia é também verdade. Mais do que uma forma de decoração, as plantas têm a capacidade de trazer conforto, familiaridade e bem-estar a quem frequenta os espaços, melhorando o quotidiano de quem vive na casa.


Estas companheiras vivas e vibrantes têm sido estudadas pela ciência também pela importância da sua inclusão nos ambientes domésticos. Venha compreender porque é que as plantas são tão importantes numa casa.

Como a ciência recomenda as plantas em casa

A sabedoria popular seria provavelmente o suficiente para que muitas pessoas optassem por ter plantas em casa. Bonitas, distintas e naturais, estas contribuem para fazer com que os espaços pareçam mais airosos, apelativos e luminosos, conferindo ainda um toque de brio e de cuidado a qualquer divisão.


A ciência, no entanto, foi mais longe e associou a presença de plantas em casa à própria saúde humana, asseverando que ter plantas em casa pode ajudar na purificação dos espaços, melhorar a humidade do ar e contribuir para que exista uma maior sensação de bem-estar.


Um estudo realizado pelo National Institutes of Health associou mesmo algumas plantas à prevenção e tratamento das doenças, bem como na melhoria de problemas relacionados com alergias.


A par com isto, também a Royal College of Agriculture apresentou estudos pertinentes sobre ter plantas em casa, com resultados que demonstram que esta inclusão corresponde a uma melhoria neurológica, nomeadamente no que respeita à memória e à concentração. O papel das plantas na saúde mental é aqui reforçado, notando-se menores índices de stress e ansiedade em pessoas que têm plantas em casa.
Por fim, alguns estudos relacionaram ainda a presença de plantas em casa com um aumento da criatividade.

As melhores divisões para ter plantas

A casa é globalmente convidativa para a inserção de elementos naturais. Ainda assim, considerando a luz e o uso dos espaços, pode considerar que existam melhores divisões para ter as suas plantas.
Na casa-de-banho, por exemplo, o vapor dos banhos torna-se propício para ter plantas como o aloé vera; já a cozinha é o local ideal para as ervas aromáticas comestíveis.


Plantas como os lírios da paz são ideais para ter numa sala de estar, criando uma maior luminosidade na divisão e, mesmo nos quartos, pode incluir elementos como alfazema ou jasmim, com a segurança de saber que os estudos revelam que, contrariamente ao que comummente se pensa, estas não são perigosas na hora de dormir, melhorando o ar da divisão em cerca de 25%.

Votos: 15 | Pontuação: 4.5

Partilhar este artigo
  • 2
    Shares

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *